Gênesis 2:7 – Deus formou o homem.


Deus formou o homem, é o estudo Bíblico e comentário de Gênesis 2:7, que apresenta importantes detalhes adicionais quanto à criação de Adão.

Se o leitor me permite expressar por assim dizê-lo, dentro do ateliê de Deus, sua mão realiza o misterioso ato da criação.

A palavra “formar” usada no versículo, implica o ato de moldar e dar uma forma correspondente em desenho e aparência com o plano divino. 

“Deus formou o homem do pó da terra”. A ciência confirma que o homem está composto de materiais derivados do solo, os elementos da terra.

A decomposição do corpo humano após a morte dá depoimento do mesmo fato. O homem foi feito “do pó da terra” e também voltará “à terra” de onde foi tomado (Eclesiastes. 12: 7).

Os principais elementos que constituem o corpo humano são oxigênio, carbono, hidrogênio e nitrogênio. 

O “Fôlego da vida”, é proveniente da fonte de toda vida, ou seja, um princípio vitalizador entrou no corpo inerte de Adão.

O instrumento pelo qual este tipo vida foi transferido ao seu corpo se diz que é o “fôlego” de Deus.

A palavra respiração em hebraico é ruach – a palavra imita o próprio som da respiração – é a mesma palavra para Espírito, como é o caso do grego antigo (pneuma) e do latim (spiritus).

Deus criou o homem colocando Seu hálito, Seu Espírito dentro dele. Quando à forma inerte do homem recebeu esse divino “Fôlego” de vida, ele se converteu num “ser vivente”.

Quando morremos, nenhum fôlego permanece. (1 Reis 17: 17)

Glória a Deus, ele que é nosso Fôlego de vida!!!

Em Cristo.

A seguir, As árvores da vida e da morte


Número de visualizações do artigo: 50