Êxodo 19:9-12 – Um Deus Santo!


Êxodo 19:9-12 - Um Deus Santo!

Um Deus Santo!  

V:9. Vimos até agora que a nação de Israel entrou de livre e espontânea vontade nesta aliança com Deus. Apesar de eles terem feito o certo eles pareciam compreender muito pouco aquilo que estavam prometendo. Moisés foi até o Senhor e lhe contou o que o povo havia respondido.

E Deus disse a Moisés: – Eu vou falar com você numa nuvem escura para que o povo possa ouvir a nossa conversa e para que, daqui em diante, sempre confiem em você.  

O propósito de Deus ao aparecer visivelmente diante de Moisés era para dar ao povo uma prova irrefutável de que Moisés estava diante deles como um representante de Deus.  

Mas a glória do Senhor estaria escondida por uma nuvem escura, pois Deus é santo e homem nenhum sobreviveria se contemplasse a face do Senhor.  

V:10. O Senhor ia proclamar sua santa lei pessoalmente a fim de eliminar toda suspeita de que Moises tinha algo a ver com sua lei.  

Mas a presença deles diante de Deus requeria santificação, sem a qual ninguém poderá vê-lo.  

– Vá falar ao povo e mande que eles passem o dia de hoje e de amanhã purificando-se para me adorar.  

Eles devem inclusive lavar as suas roupas. Os atos externos de preparação tinham o propósito de impactar nas pessoas a necessidade de preparar seu coração para se encontrar com Deus.  

Pois em sua essência a santificação é um assunto do espírito, de ser “de limpo de coração”.

Aliás, santidade deve ser considerada de uma forma muito séria toda vez que nos aproximamos de Deus.  

V:11.  E Deus continuou dizendo;

– Devem se aprontar para depois de amanhã e nesse dia eu descerei sobre o monte Sinai, onde todo o povo poderá me ver.  

V:12. Marque limites em volta da montanha, para que o povo não passe dali, e diga-lhes que não subam o monte, nem cheguem perto dele.

Se alguma pessoa puser o pé nele, esta deverá ser morta.   A coisa começou a ficar mais séria do que eles poderiam imaginar.

Será que o monte Sinai, seria uma espécie de vulcão em erupção com um fragilizado povo aos seus pés condenados à destruição?   Afinal, qual era o propósito do Senhor com este tão duro castigo? Respostas na próxima postagem.    

Em Cristo!


Número de visualizações do artigo: 28