Levítico 15:16,17 – A Bíblia fala sobre ejaculação Noturna?


Bíblia e ejaculação Noturna? Sério mesmo? Acredite, a Lei de Deus, dada aos israelitas por intermédio de Moisés, diz que o homem se torna imundo quando tem o seu sêmen expelido. Isso promovia também uma regra importante de higiene masculina no antigo Israel, principalmente por não haver estrutura sanitária adequada.

Bíblia e ejaculação Noturna? Sério mesmo? Acredite, a Lei de Deus, dada aos israelitas por intermédio de Moisés, diz que o homem se torna imundo quando tem o seu sêmen expelido. Isso promovia também uma regra importante de higiene masculina no antigo Israel, principalmente por não haver estrutura sanitária adequada. Vamos entender mais sobre esse tema meio constrangedor, através deste estudo Bíblico de

Levítico 15:16,17.

V:16,17

– Ô blogueiro?

– Oi.

– Sê tá louco?

– Hum?

– Que título é esse? Isso aqui não é um estudo Bíblico?

– Sim.

– Então porque você escreveu este título?

– Calma gente, por incrível que pareça, a Bíblia trata deste assunto e não é só no livro de Levítico não…

– Mas o que é ejaculação noturna? E porque e Bíblia trata deste assunto? Que coisa desconfortável!

– Então me deixe explicar primeiramente o que significa isso…

Não é regra, mas quase sempre a ejaculação ou polução noturna, apesar de ser involuntária, vem acompanhada de um sonho erótico em que o indivíduo acorda imediatamente antes ou imediatamente após ejacular.

Muitas vezes, o sonho erótico pode ser lembrado e percebido como uma experiência sexual prazerosa.

Ocorre em todas as idades, mas é, disparadamente, mais comum dos 10 aos 20 anos, justamente no período de maior inexperiência sexual e energia sexual reprimida ou insatisfatoriamente resolvida.

Seu maior inconveniente talvez seja explicar o que ou com quem se sonhou ou a mancha de sêmen na roupa ou lençóis…

Costuma ser bastante embaraçoso para os adolescentes.

Afinal, o que a Bíblia diz?

– Agora, vamos ao que a Bíblia diz sobre este assunto…

A Lei de Deus, dada aos israelitas por intermédio de Moisés, diz que o homem se torna imundo quando tem o seu sêmen expelido, seja na relação sexual legítima (casamento), seja involuntariamente, como na polução noturna.

Deus não diz que é pecado, mas sim que é impuro. Assim como a menstruação tornava a mulher impura.

Isso promovia também uma regra importante de higiene masculina no antigo Israel, principalmente por não haver estrutura sanitária adequada.

Essa lei, fazia uma separação óbvia entre o sexo e a adoração a Deus. Para o mundo moderno isso parece normal, mas no mundo antigo era comum adorar os deuses fazendo sexo com prostitutas do templo. Deus não queria essa associação em Sua adoração.

E qual a aplicação para hoje?

Nós vivemos em tempos confusos. O mundo atual, não tem ideia do que fazer com questões de moralidade e comportamento sexual. Em contraste, a Lei fornecia nesse tempo, importantes diretrizes claras para o povo de Deus.

Portanto, pecado é quando o sêmen é expelido por meio da masturbação ou de relação sexual fora do casamento.

Fica, portanto muito claro que não existe pecado nisso porque você não pode controlar esta ação enquanto está dormindo.

Porém o pecado é a cobiça que facilita mentalmente o indivíduo a ter essa ejaculação. Ou seja, a polução noturna, você não pode controlar, mas os pensamentos pecaminosos que nutre ao longo do dia, esse sim, você pode controlar.

O problema é que na sociedade atual o corpo da mulher é exposto, sem vergonha ou pudor algum, em propagandas, sites e programas de TV, aos olhos de adolescentes todos os dias e noites.

Veja o que a Bíblia diz sobre pensamentos impuros?

Deuteronômio 23.9-11: “Quando estiverem acampados, em guerra contra os seus inimigos, mantenham-se afastados de todas as coisas impuras. Se um de seus homens estiver impuro devido à polução noturna, ele terá que sair do acampamento. Mas ao entardecer ele se lavará, e ao pôr-do-sol poderá voltar ao acampamento.”

Mateus 5.28: “Qualquer que olhar para uma mulher para desejá-la, já cometeu adultério com ela no seu coração.”

Essa estimulação sexual voluntária ou involuntária chega a ser quase que um “estupro” mental aos olhos de adolescentes, jovens, adultos e infelizmente até crianças.

Por isso, é comum que os jovens tenham polução noturna, principalmente aqueles que decidiram não ter atividade sexual antes do casamento, mas decidem chegar aos seus olhos esses estímulos.

Até mesmo homens casados têm polução noturna, especialmente quando passam um período maior sem relação sexual e estimulados por exposições sensuais.

Conclusão:

Esse capítulo, portanto, tem uma mensagem solene para todos nós sobre o fato da poluição da natureza humana em sua fonte, e a consequente necessidade perpétua de limpeza.

Essa visão da natureza humana não é lisonjeira, e a mente humana está frequentemente em rebelião contra ela.

Devemos, portanto, observar atentamente o significado espiritual e aplicá-lo resolutamente no reino físico.

A solução para limpar a mente dos estímulos da carne, conscientes ou inconscientes, é se afastar das aparências sensuais e separar um tempo maior para buscar estímulos espirituais.

Ler um pouco da Bíblia antes de dormir, meditar no que leu e orar pedindo a Deus que conceda sonhos do reino de Deus é um ato saudável.

Em Cristo!

“Se gostou do artigo, compartilhe com seus amigos e deixe um comentário abaixo. Ajude também a divulgar o conteúdo do Blog!”


Número de visualizações do artigo: 2425